Produtor de eventos: veja aqui por onde começar a sua carreira

blog-post-image

Entrar no mercado de trabalho no Brasil não é nada fácil. Atualmente, a grande maioria das vagas são bastante disputadas e exigem experiência e alta qualificação. Porém, não significa que não exista um lugar ao sol para começar. 

Isto pode soar um tanto clichê, mas a verdade é que todos os especialistas um dia foram iniciantes no que mais sabem fazer. Algo que só foi possível porque ganharam ou criaram suas oportunidades.

Aqui na MeEventos adoramos conversar sobre desenvolvimento. Acreditamos que bons profissionais são aqueles que não param nunca de buscar novos conhecimentos para agregar ao que fazem de melhor. E na área de eventos não poderia ser diferente.

No caso dos produtores, o trabalho é um dos mais importantes do segmento. São eles que fazem a roda girar e têm grande parte da responsabilidade no êxito ou no fracasso do acontecimento social ou corporativo contratado. 

Vamos juntos entender melhor o que é um produtor de eventos, afinal de contas?


O que faz um produtor de eventos e quanto ganha?
 

Comumente há uma confusão entre as atribuições de um produtor de eventos e de um promotor de eventos. Desde já precisamos esclarecer a você que são profissões distintas, com tarefas completamente diferentes.

Um promotor de eventos é responsável por divulgá-los. Ou seja, todas as ações promocionais e ativações para captação de público, do planejamento à execução, são realizadas pelas mãos dele.

Já um produtor de eventos — também chamado de organizador ou coordenador — é a pessoa que terá a incumbência de fazer o evento acontecer. Em outras palavras, quem decide entrar nesta carreira terá o compromisso de garantir o sucesso das suas produções.

Entre outras funções, um bom produtor de eventos:

  • Planeja e organiza eventos e espetáculos de diversos portes, desde feiras até casamentos;
  • Contrata fornecedores;
  • Gerencia as pessoas e processos envolvidos;
  • Negocia preços, condições de pagamento e prazos;
  • Acompanha todos os processos, do início ao fim, desde o pedido até a entrega;
  • Garante a qualidade de tudo o que é necessário existir para que o evento aconteça sem problemas.


Sobre o salário…

Em média, no Brasil, segundo o site “Vagas.Com”, um produtor de eventos que presta serviços para uma empresa ganha R$3.000. No entanto, os iniciantes na carreira tendem a receber um pouco menos, cerca de R$2.000.

Caso você decida ser o seu próprio chefe, pode ser um pouco mais difícil começar, mas não é impossível. Trabalhar como freelancer ou lançar sua própria marca é algo que pode ser bastante rentável, porém exigirá um esforço maior, principalmente com relação ao "networking" e fortalecimento de credibilidade. 


5 dicas rápidas para você se dar bem ao começar sua carreira como produtor de eventos
 

Vamos ver agora algumas iniciativas/características que tornarão você, rapidinho, um profissional desejado pelos contratantes e pelas marcas do ramo? Siga nessa leitura conosco!


1. Organização, criatividade e jogo de cintura
 

Acima comentamos com você sobre algumas das atribuições de um produtor de eventos. Lidar com um checklist enorme de tarefas exige muita concentração e foco. E se você não for um profissional organizado, será quase impossível continuar.

Que tal não contar apenas com as planilhas e centralizar tudo em um só lugar com a ajuda da tecnologia, desde o padrão de seus contratos até o envio de relatórios de atividades para os clientes? O aplicativo de gestão “MeEventos”, pensado exclusivamente para o setor, é uma ótima solução e ajudará você, mesmo que seja iniciante, a crescer muito no mercado. E o melhor de tudo: é possível testar a ferramenta gratuitamente por 15 dias.

Criatividade e “jogo de cintura” também são duas habilidades fundamentais para um produtor de eventos. Com elas ao seu favor, ficará mais fácil contornar situações embaraçosas e resolver contratempos.


2. Falando nisso… não se desespere com as dificuldades
 

É normal existirem situações em que os ânimos se exaltem ou que algo não aconteça como você previu. E para manter a tranquilidade, algo essencial é sempre ter um “plano B”. 

Tenha uma lista de fornecedores confiáveis, para os quais você pode recorrer quando algo não funcionar. Situações assim sempre podem estar no seu controle.

Além disso, se a ocorrência estiver relacionada a um fator externo que você não pode administrar sem que os convidados, por exemplo, saibam, seja a calmaria em meio à tempestade, porém com firmeza. Demonstre que existe sensatez em meio ao conflito. Isso evitará que seu evento fracasse ou seja mal visto.


3. Comunicação: sempre há espaço para melhorá-la
 

Você acredita que tem um perfil muito comunicativo e que por isso tem grandes chances de ser um profissional bem visto no mercado de eventos? Bem, você não está errado. Porém, não tome isso como algo sem oportunidades de melhorias.

Desenvolver ainda mais a sua habilidade e amadurecer o seu comportamento no que você é especialista, é um aprendizado infinito.


4. Estude e aprimore seus conhecimentos
 

Produzir um evento não é algo simples ou só “fazer uma festinha”. Lembre-se que você está lidando com sonhos e expectativas. Portanto, um profissional de excelência precisa estar sempre atualizado e obter diversos conhecimentos.

Algumas áreas que você pode estudar são: marketing, contabilidade, administração de empresas, legislação do segmento, empreendedorismo e gestão de pessoas.

IMPORTANTE SALIENTAR:
Não é exigida nenhuma formação acadêmica para ingressar na carreira de produção de eventos. No entanto, isso não significa que você não tenha muito a aprender. Pense nisso e depois procure um cursinho de introdução para se familiarizar, também separamos um artigo com os principais cursos para cerimonialistas.


5. Use as críticas ao seu favor
 

É muito bom ser elogiado e saber que o seu evento foi impecável. No entanto, caso seus contratantes e sua equipe tenham algo a lhe dizer, aprenda a ouvir. 

Não existe evolução sem falhas, elas fazem parte do processo. Aprenda a contorná-las com leveza, use-as como exemplos do que não fazer e transmita o conhecimento para aqueles que trabalham com você.


_

Gostou das dicas que preparamos para você? Em nossos canais nas redes sociais, você vê muitas outras informações interessantes sobre o segmento de eventos. Que tal nos acompanhar no Instagram, no Facebook e no LinkedIn?




Comentários

Mantenha-se atualizado com nossas novidades, ideias e atualizações